OLHA O POVO RIDICULOOO AÍ GEEENTE!!!

Pra muita gente carnaval é tudo de bom, pra mim é um saco. Me sinto a Hiena do desenho lamentando tudo. Sabe aquela síndrome de “Janaina do BBB” , gente feliz demais. Então isso me incomoda. Rs rs rs.

Já fui a carnavais quando era moleque, aproveitei bastante. A primeira vez que pude ir a um baile a noite me senti adulto pra c*, mas aos poucos fui perdendo o interesse. Os bailes de salão que hoje em dia nem sei se existem mais, era repletos de famílias, com menininhas cheirosinhas, loucas pra dar uns amassos embaixo da escada sem que os pais vissem, e disso não passava.

Um dos bailes que fui “ainda acompanhado dos pais”, uma velha bingueira, amiga da família, me puxou pro meio do salão, e por mais que eu tentasse me livrar, ela me girou tanto que podem ter certeza, tive uma crise de labirintite...kkkkkkkkk...o jovem garoto idoso. Sempre que lembro dessa passagem me vem a cabeça o apelido de uma velha que escutei: A peito de meia. (né Wilson e San?). Essa era a própria peito de meia.

Terríveis devem ser os trios elétricos da Bahia. Nunca fui pra lá nesse período, mas já ouvi centenas de histórias, inclusive de que pisar em cocô e xixi e típico. Putz, ainda se fosse no sul da Itália, brincando de pisar em uvas pra fazer vinho tudo bem, mas amassar merda no paralelepípedo é muito pra cabeça. Agora, certeza que o Braccini pensou “Odete Roitman”...rs rs rs.

Mas o pior de tudo são as fantasias. Se um amigo meu aparece vestido como nas fotos abaixo pra me acompanhar num baile de carnaval, eu corto com a minha Burza ( pra quem não se lembra, minha faca hiper afiada), ou taco gasolina e ponho fogo...rs rs rs.







Mas na verdade, o post é mais pra falar que o carnaval não é mais o mesmo. Antigamente tinha aquela diversão que reunia a família nas terças a noite (o gala gay). Pois é, minha mãe adorava isso, e sentávamos todos na sala pra rir das figuras. Por mais que houvesse um tom “sexual”, era muito divertido ver Monique Evans e grande elenco entrevistando as travecas. Hoje com Vesgo do Pânico ridicularizando o povo, perdeu a graça.

Riamos muito quando Clovis Bornay aparecia com as sua “pagafernalia” de paetês e plumas, nos desfiles do Hotel Gloria. Talvez fosse a inocência da infância, mas isso era muito engraçado. Outra coisa que a família não perdia.

Hoje o excesso de coxas malhadas, mulheres modificadas por hormônios masculinos, tiraram do carnaval na TV aquela sensação de festa. Parece tudo comercio de carnes. Artistas se estapeando pra aparecer mais que os outros. As pseudocelebridades estranhas que a mídia mostra e eu nem sei de onde desembocou.

E que me perdoem os religiosos, mas passar quatro dias em retiro espiritual numa fazenda com som de passarinho também não dá. Ficar lá rezando pela putaria que os outros estão fazendo é o cumulo. Posso não brincar o carnaval, mas também to me lixando se o povo ta na fornicação ou não...rs. Alias, os bares de campinas, por iniciativa da prefeitura e do governo federal, oferecem preservativos grátis dentro dos banheiros. Fica uma urna pregada na parede ao lado do listerine...rs rs rs...é isso, bom hálito e segurança na hora da paquera. Isso eu aprovo.

Aos que vão cair na farra, boa sorte, boa diversão, não façam filhos pra dezembro. Aos que ficarão em suas casas, bom descanso, ótimo carnaval. E aos que vão pro retiro espiritual, da uma olhadinha em volta, pega a mais bonitinha ( o) e bora pro mato...rs rs rs. Vamos dar a festa pagã o devido respeito.

Abração a todos.

13 comentários:

Edu disse...

Gentem... banheirão em CPS é ótemo! :-)

Marques, Mika disse...

Tô na duvida, qual fantasia dá mais dó, mas confesso que a tiazinha com coisas coloridas na cabeça, me partiu o coração!

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Paulo Braccini disse...

OMG!mas ele anda mais rabugento que o Bratz! Odete está puta da vida com esta concorrência ... kkkk

Mas tudo o q vc elencou [de onde tirei isto? rs] é fato ... já gostei e curti muito carnaval, principalmente na infância ... pulava, dançava, desfilava, assistia pela TV, etc ... depois veio a fase das putarias no carnaval e eu tb não deixava por menos ... hoje, com este carnaval q nos apresentam e, claro, por já estar IDOSA - quase ANCIÃ [né Cain ... brrr] prefiro ficar na minha e quieto ... Aqui em BH não tem nada ... cidade inteiramente morta ... este ano com previsão de chuva e frio os 4 dias ... então ... haja filme para assistir e marida pra me dar carinho e outras coisitas mais ... rs

bjão

Gabuh disse...

Não sou folião. Nunca fui. Porém não condeno a festa. Acho a data válida para aqueles que só nessa época liberam suas mais obscuras fantasias. Todo mundo também merece um pouquinho de desprendimento do trabalho e dos estudos. Seja pulando atrás de um trio elétrico, ou simplesmente aproveitando o feriadão pra não fazer nada, sei lá... Também não acho que se fabriquem uma felicidade nessa época, mas no Natal, aí sim... essa é uma data que não suporto! Certamente que se o carnaval viesse atrelado ao hábito de dar presentes, eu o odiaria MUITO!


Um cheiro, homem!

Edilson Cravo disse...

As fantasias são um loooosho só....kkkkkkkkkkkkkk.
Bom feriadão...rs
Abraços.

Lêda Maria disse...

Boa sacada rss

Marcia disse...

Tô contigo enão abro...rsss olha já tive mes momentos de Carnaval, j[a desfilei no Rio, SP, já pulei em Salvador, já morei em Recife... rsss mas nada substitui o sossego da minha casa, meus artezanatos, livros e filmes, diliça!!! Vou descansar, nada de retiro espiritual, mas os peladões, bebados e afins do Carnaval, os sambas repetidos, os axés sem nexo e sem noção, me cansam MEGA e estou passando, por que o Catnaval VAI PASSAR, graças a Deus!
Beijos

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Aff... a peito de meia é castigo na vida de qualquer um. Mas antes uma peito de meia, que uma Jacutinga... rs. Bem, burra ou inteligente, o fato é que velha vagabunda é um inferno.

Detesto carnaval. Nada a ver com religião. É coisa de princípios mesmo e de preferir o silêncio.

Quanto às fantasias, adorei o Pikachu! Vou dar uma fantasia igual pro mozi.... kkkkkkkkkkk.

Beijão, Rafa!
Bom feriado pra vc. :)

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog "relacionamento, vida e cotidiano". Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

Três Egos disse...

Olha eu aqui! rsrs

Ah, Carnaval não é comigo também, principalmente agora q ando mais caseiro do que nunca. E não tenho a menor vontade de participar de um trio elétrico também. Pessoas suadas, grudentas e fedidas se esfregando em mim, odeio! Fora o acidente das pessoas queimadas em Minas no trio elétrico... rs

Abraço!

♫ ♪ Wilson ♫ ♪ disse...

Meu amigo, onde foi que tu arrumou essas figurinhas? Cada uma pior que a outra...kkkkkkk Nem dá pra escolher qual a pior. Mas com certeza nenhuma delas é pior que a peito de meia... nem quero lembrar.


Valeu pelas gargalhadas,Rafa!

Bom descanso e que sua semana seja de paz

Wans disse...

Me pergunto, como que as travestis se deixam ridicularizar pr esses pseudocomediantes? Gasla Gay definitivamente já não é mais o mesmo e carnaval sucks!

railer disse...

ri muito das fotos! hahahah