QUAL SUA MANDINGA?

As pessoas tem mania de usar aquelas receitinhas caseiras para curar alguns males, e confesso, também faço uso dessas mandingas, sortilégios e catiças...rs.



O povo que trabalha comigo é puro mau agouro, daqueles de deixar vc um bagaço de mexerica no fim do dia. Nunca vi gente mais “down” do que esse pessoal. Qual a minha técnica definitiva pra não sair do escritório um lixo?
- um cristal sobre a mesa e um bandaid no umbigo. Gasto uma caixa e meia daqueles redondinhos, discretos por mês. Não to nem aí...uma forma de não sugarem minha energia. Não sou ligado a essas coisas, mas acredito sim, que as pessoas te roubam energia.

- tenho um vaso de boldo na varanda do apartamento. Que flores decorativas o que, plantei duas qualidades de boldo que são meu salva vidas quando o fígado invoca de querer sair do meu corpo.

- Tomo chá de carqueja a cada 15 dias. Oh negócio do demônio!!! Ruim pra lá de Bagdá. Mas como meus rins produzem cálculos por que são PHD em matemática aplicada, de tempos em tempos sofro com cólicas renais, mas desde que aprendi que a carqueja dissolve tudo, tenho tomado , e já caminho para o 3° ano sem dar a luz a meninas por parto natural.

- Durmo com um escapulário sob o travesseiro o que me garante sono tranquilo, sem pesadelos. Verdade, as poucas vezes que os tenho é por que derrubei o escapulário no chão ou estou em outra cama sem a proteção.

E tantas outras receitinhas caseiras que não recordo agora. Mas nada comparado ao que o povo faz por aí.

Uma das moças que trabalha comigo ficou dois dias de licença por que estava com aquela amigdalite das partes baixas...hemorroidas. Não bastasse o medico lhe dar uma pomada anestésica, a sabichona resolveu usar uma técnica antiga de passar Hipoglós com óleo de amêndoa. Como estava sem Hipoglós, chuchou óleo de amêndoa. Conclusão. O fiofó dela fritou, e a hemorroidas piorou 3 vezes.


Meu pai conta que quando jovem toda e qualquer mal estar que o povo sentia era combatido com salmoura. Não compreendo até hoje o porquê disso, mas sei que tem gente que ainda faz uso dessa técnica. Um belo dia estou eu entrando na cozinha do escritório e vejo nossa antiga contadora de cara feia bebendo um troço branco. Quando pergunto do que se trata, ela diz que ser salmoura. Cacete, isso mata. Dentre essas histórias que meu pai conta, tem a do vizinho que passou muito mal e até que chegasse socorro, a esposa deu a ele uma salmoura. O homem espumou e caiu morto ali na hora. Estava enfartando e deram sal pro cara tomar. A pressão deve ter explodido o cérebro dele, fora o coração que não sobrou nada.


Mas tem aquelas que hoje saíram de moda como:

- mascara de açúcar com limão (minha irmã usava). Hoje é perigoso ficar manchado, alias, sempre foi, mas o povo não dava atenção.

- tomar sol com Coca-Cola, óleo de cozinha e canela, chá de folha de figo. Essas técnicas causam queimaduras de 2° grau.

- Colocar cera de ouvido sob o dente que dói. Pasmem, mas isso não é mentira e nem brincadeira, era algo que o povo fazia.

- Tomar chá de lírios para evitar gravidez. Rsrsrsrs...pra quem sabe um pouco da história desse chá, a mulher não evita gravidez, fica é doidona com alucinações, e é bem capaz de engravidar sim, mas não saber quem é o pai.

- Escalda-pés para tirar cansaço. Não acredito. Um bom banho quente faz melhor efeito.

As crendices às vezes levam as pessoas ao liame da ignorância. Tudo bem que as receitinhas da avó fazem efeito, mas o mínimos de bom senso temos que ter, por que algumas macumbas dessas matam.

E você? Qual sua receitinha caseira?

Bom fim de semana, regado a muito sol e diversão.

15 comentários:

Albuq disse...

Costumo dizer a minha mãe que se vivessimos no período da santa inquisição, já estaríamos todos torrados em uma fogueira, porém minha mãe adora ervas, chazinhos, banhos sei-lá-de-quê, rezas e assim vai, agora já imaginasse em outros tempos? Seriamos torreros por essas horas kkkkkkkkkk bjs

Edu disse...

Xi, sou muito novinho pra ter uma dessas... mas até que um sal grosso, acompanhado de uma picanha ou uma maminha, não é má idéia!

Paulo Braccini disse...

taí! coisas q não me incomodam em nada ... este negócio de tirar e por energia, de mau olhado, de agouro, de sorte ou azar, etc etc etc ...

para mim a vida nada mais é q o resultado do q fazemos ou deixamos de fazer ...

o resto é o resto ...

mandingas, amuletos, banhos, chás, etc ... NOT

bjão querido

;-)

S.A.M disse...

Tô com o Edu: sal grosso + picanha + maminha! rs

Mas voce sabia que a história de propriedades positivas do Sal são até Biblicas.

Dele algumas vezes já fiz uso.

Bom findi!

Cris disse...

Rafa, não tenho mandinga pra nada. Sou uma pobre desprotegida....rs

Cara, desde muito cedo, garota ainda aprendi com meu avô que tudo que pode me atingir vem apoenas de mim mesma ou de Deus. Portanto, não acredito em nada que os outros me desejam; nem mesmo o bem !
Eu faço meu bem e meu mal e Deus me protege.

Se desejare-me mal? vai voltar, porque simplesmnete não acerdito nisso.

A única coisa que realmente coloco fé vinda dos outros é a oração de pessoas muiiiiiito amadas e conectadas em vc; porque oração nada mais é que uma troca de energia.

Quanto a mandingas para a dor, acho uma besteira. O uso das ervas, como o chá que vc toma, é outro papo. As plantas possuem um poder imenso de cura ou de danos à saúde. O lance é saber empregar a erva certa e na dose certa. haja visto a maconha; virou um dos mais potentes analgésicos para pacientes com doenças terminais ou em severos tratamentos nos E.U.A

No fim, meu Querido, tudo que precisamos está dentro de nós e na natureza. Ninguém tem poder sobre vc; exceto vc mesmo e Deus.

E pqp, como eu falo aqui....kkkkkkkkkkk

beijos e um final de semana lindo!

Veja o vídeo que mandei pra vc! É de arrebentar.

Klíssia disse...

Oi Rafael, adorei o post!! Gosto muito do seu jeito de escrever, da sua sinceridade, do modo como se expressa, muitooo booommm! Me divirto horrores, rs!!! Continue sempre assim, que o caminho vai ser e continuará sendo florido. Bjinhos!

Antonio de Castro disse...

nao tenho mandinga, não.

tão ultrapassado.
hehe

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Nunca tiro do pescoço a corrente que Wilson me deu, com um trevo de 4 folhas como pingente.

Trago sempre comigo um tercinho que também ganhei dele.

Oro o salmo 23 antes de sair e o 91 antes de dormir.

Lavo a casa periodicamente com uma mistura de alfazema, alecrim e cânfora.

Deixo nas entradas da casa um vidrinho com essa mesma mistura. O que chegar de ruim até aqui, não passa da minha porta.

Garanto que funciona. :)

Cris disse...

Tu tá bem?.........rsrsrsrs
Olha no mural do seu face...postado ontem às 13 e qq coisa....e ainda tem o vídeo com tradução no meu mmural.
Rafa, as férias já acabaram, meu amor! Acordaaaaaaaaaaaaa.......kkkkkkkkkkkkkkkkk

Coitada da Bel e do João ! parecidos comigo?????
Ohhhhhhhhh vida!

beijão e vai ver o vídeoooooooooo que é desbundante; assim como a música! Depois me diz o que achou!E se achou........rsrsrsrsrs

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Hey, Rafa!

Bom dia!

Tentei falar com vc ontem, mas o Dr. estava foragido... rs.
Vc pediu pra eu te avisar quando a resenha de O Mundo de Vidro estivesse no ar. Já coloquei. Aí vai o link:

http://universoliterario1.blogspot.com/2011/01/o-mundo-de-vidro-mauricio-gomyde.html

Beijos!

Tathiana disse...

Sei lá, não tenho dessas coisas... Agora, "cera de ouvido sob o dente que dói" foi sinistro... rsrs.
BJs.

Marcia disse...

Nem começou o ano direito e esse já é candidato aos melhores do ano hehehhehe mandinga? não as tenho, mas tenho em minha Nossa Senhora de Fatima, a mãe, a madrinha, a protetora, e a consoladora de todas as horas. Para ela consagrei tudo o que sou e tenho, e em caso de perigo, mentaliza, e fala: MARIA, vai na frente! Pode experimentar, é tiro e queda!
Beijo,

Dama de Cinzas disse...

Sou uma pessoa com bem poucas manias! Eu diria que acreditar nessas coisas seja uma espécie de mania, de TOC. Aquela coisa de caso você não faça, algo vai dar muito errado; essa é a sensação de quem tem TOC.

Acho que a única coisa que me lembro que faço, ou que não faço... rs... é passar embaixo de escada quando elas estão colocadas nas ruas. Eu dou a volta disputo com os carros, mas não passo embaixo de jeito nenhum. A sensação é essa que te descrevi, se eu passar, minha vida vai dar pra trás... rs

De resto não me lembro de mais nenhuma...

Beijocas

Cocada.g disse...

Cara graças a Deus nunca tive essa base mandinguenta na minha familia... ninguem da minha familia é adepto a isso porque tem coisas que são absurdas mesmo,,, poxa, colocar cera de ouvido sob o dente que dói é inacreditável. E tambem conheci pessoas que acreditavam que salmoura curava tudo!

Abraços@ bom domingo!

Lobo disse...

Eu tenho uma ótima pra ganhar dinheiro: Põe uma meia de freira na cabeça, pega um 38, entra num banco e grita 3x: é um assalto, é um assalto, é um assalto. Dinheiro na certa hahaha.

Mas reza a lenda que maizena é ótimo pra curar assaduras e micoses. Pelo menos minha mãe me fez usar bastante quando era pequeno. Eu sentia diferença nenhuma hahaha.

Abração Rafa!