ME DA UM REMEDINHO?

Admiro profundamente pessoas que tem problemas de saúde e se comportam de maneira tranqüila, cuidando-se da forma como conseguem, e sem reclamar.

Sou muito chato, até com uma simples dor de garganta, fico irritado, como se o mundo fosse acabar. Quero arrancar minhas amígdalas, enfiar um ferro quente e cauterizá-las. Essa sensação que fico me tira o sono, me deixa insuportável. Apelo para todos os truques, mandingas, saravas e macumbas que existem. Durmo com pano embebido em álcool na garganta, gargarejo com malvona, não deixo a boca sem um Halls preto, fora as pastilhas próprias para o problema. Com a menor manifestação de gripe ou resfriado, me entupo de resfenol.

Quando o assunto é estomago, aí piorou. Entro num transe que só falta subir a escada de uma igreja suplicando por melhora. Não consigo vomitar. Esse é um drama que carrego na vida adulta, já que quando criança virava e mexia eu destripava o mico...hoje não possuo esse dom, então quando algo me atinge o estomago e cria um mal estar, apelo para os anti ácidos, folhas de boldo maceradas e tudo mais. Inclusive o chicletinho que ajuda na digestão. É por isso que não encho a cara, por que se passar mal do estomago, eu morro.

Tenho dores de cabeça freqüentes por tensão muscular. Não é enxaqueca, é dor muscular, que sobe pela nuca, e chega à testa. Consigo conviver com ela por algumas horas, mas chega um ponto que se não administrar um remedinho (dorflex) a dor causa náuseas, e já disse o que acontece comigo quando o estomago se manifesta.

Hoje estou escrevendo um post sobre como é duro envelhecer...rs rs rs. Quando era moleque nada disso me incomodava. Eu comia qualquer pedaço de barranco que não me fazia mal. Hoje um pedaço do mais delicioso doce me entorta. Dureza!!!!

O problema é a falta de controle quando tenho uma tensão muito grande o organismo se manifesta de forma agressiva. Piriri....rs

Mas, seja lá o que for, to fazendo pensamento forte. EU SOU FELIZ!!! Quem sabe ajuda.
Bom dia a todos.

15 comentários:

Saulo Taveira disse...

É meu amigo, não há como fugir do passar do tempo, nem plásticas ou afins.
Também tenho uma enorme dificuldade de vomitar, não sei o que há; bem, penso tudo ser emocional. Desespero quando adoece, nossa, a última vez que passei mal foi numa viagem de ônibus: desci no meio do caminho completamente descontrolado - em pânico.Garganta, a última coisa que eu faria seria bala Halls. É unânime a opinião de médicos de que isso faz mal. A bala anestesia a garganta fazendo que o ser esforce-se mais para falar, piorando o problema.

Enfim, temos truques e neuras. KKKKKK

Abração. Ótima quarta pra ti.

Mundo do Gê disse...

Realmente a idade não chega só...Ela traz muitos malefícios consigo...a idade do condor, com dor alí, com dor aqui...
E já não dá mais pra engolir qualquer tijolo, e beber então, meu estômago já não acredita que é totalflex, até mesmo meu vício por café causa encomodos...

Abraço!
Ahhh vai um remedinho aí?

Edu disse...

Omeprazol em promoção na Ultrafarma!!

Giardia disse...

Ajuda!


Legal seu blog!!

Arsênico disse...

Então querido... somos dois!!!

Não suporto sentir dor... quando sinto que ela está chegando já logo trato de me medicar... tá isso é errado!!! Então o certo é ficar sentindo dor mesmo né? Aham... senta lá Cláudjea!!! hahaha!!!

***

aBraço!


;-)

Ellen disse...

Pois pare de tomar Resfenol, que contém Paracetamol. O Paracetamol paralisa o fígado se tomado mais de 2 doses ao dia e é proibido nos EUA há anos! Se cuida, mas não com Paracetamol!

Luna Sanchez disse...

Só uma palavra pra ti, Rafa : MANHOOOOOSOOOOOO!

=)

Beijo, beijo.

ℓυηα

André Mans disse...

vira e mexe tenho essas mesmas dores
mas aguento como um bom macho que sou
ashaushauhsauhsauh

bjão

KARINA PINTA E BORDA disse...

Rafael,
Em primeiro lugar: você é homem, o que só piora as coisas quando o assunto são as dores, porque elas são superestimadas.
Em segundo lugar: pelo menos você age de alguma forma para evitar a dor, não é como uns e outros que além de reclamar preferem ficar resmungando no ouvido dos outros porque "não querem tomar remédio".
Mas olha lá, hein: não vá fazer como um amigo meu que carrega até uma caixinha de primeiros socorros na pasta e é hipocondríaco...rs Boa sorte! Um beijo, Karina.

Marcia disse...

Idade é PHo...!¨%#*¨$#$ mas cá entre nós quem não gosta de um denguinho quando tá dodói? Eu adoro todo dia, se estou com alguma mazela então, denguinho master hehehehhe mas não se entupa de remédios, homeopatia ajuda e não é tão agressivo. Beijooo

Lobo Cinzento disse...

Eu sou justamente o contrário: Só tomo remédio em estado terminal, ou se não houver NENHUMA forma do meu organismo se recuperar sozinho XD.

Abração Rafa!

Edilson disse...

Ai, Rafa, nem fale em velhice. Tem horas q me sinto uma múmia de 3000 anos. rs
Qtas vezes vou repetir algo gostoso e antes mesmo de acabar já começo aquela p*** azia. Fooodaaa! rs
Abraço, querido.

Marcos disse...

Você tá podre heim...rs...rs quando eu chegar na sua idade acho que vou também começar com esses problemas...

Isso tudo é tensão e stress...

Pelo menos o cabelo não tá caindo, veja o lado bom!

Odeio gripe... e nem me fale de garganta podre e tosse... eu viro no avesso....

Abçs

Ariane disse...

Nossa me indentifiquei muito com esse post, porque me sinto assim, parece que o mundo vai acabar, qdo criança brincava na chuva com febre de 40 graus, hoje quero deitar e esquecer a dor, mas o pior de tudo é a carência, nossa fico melancólica e pedindo colo rs!!

Dama de Cinzas disse...

Sinto te informar, mas homem é frouxo pra dor... ahahah... Homens não são acostumados com dor e quando sentem ficar mesmo transtornados... rs

Beijocas