ELA É DEMAIS

Ir ao cinema para mim é mais que apenas assistir um filme. É todo um glamour (posso chamar assim) que envolve essa diversão. Pode parecer até “simplório” dizer isso, por que da a impressão, de ser alguém de uma cidade distante, pequena, que tem como única diversão ir ao cinema na capital. Mas a sensação de me acomodar na poltrona e ver um bom filme nas duas horas seguintes, é um prazer inenarrável. Isso não é de agora, a vida toda me senti assim.

Hoje escolho bem qual título assistir Já cheguei a ir indiscriminadamente ao cinema e ver qualquer porcaria que estava em cartaz. Mas isso banaliza as sensações agradáveis, portanto agora só grandes projeções me atraem. O restante assisto no conforto do meu lar.

Esse enunciado é para contar da minha percepção ao filme assistido no último fim de semana. A cena inicial é de uma garota deitada no chão de uma prisão na Coréia do Norte, sendo espancada por soldados violentamente. Aos poucos a câmera se aproxima naquele balé comum do cinema causando certo mistério. Quando o close chega ao rosto, lá está Angelina Jolie, desfigurada, clamando por socorro, negando algo que aqueles bruta montes insistem em afirmar.

Salt.

Essa é a nova produção da fantástica Angelina Jolie. Um filme surpreendente do inicio ao fim. Um ritmo bem dosado das cenas ação, que esbanja a todo o momento a exuberância única de uma estrela em ascensão continua.


Angelina não é o rostinho bonito, que apareceu no cinema e lá permaneceu intocável. Ela é a versão feminina de Bruce Willis, John Travolta, Brad Pitt e tantos outros, só que tudo junto e mais, de uma beleza incomodativa. Há momentos do filme que não há como não soltar a exclamação: Essa mulher é linda pra c.....

Filmes assim que me faz ter a certeza que a sétima arte jamais terá um fim. O vídeo cassete, o DVD, ou seja lá o que criarem no futuro, não tirou e nunca irá tirar o prazer da sala escura, das reações do publico em volta nas cenas mais impactantes. O cinema ainda nos faz viajar pela história projetada no telão, e sentir as emoções propostas por quem o criou.

Não falo da pipoca e nada mais que acompanha, por que isso podemos ter em casa, mas as sensações, essas dificilmente irão perder o valor. Por mais modernos que sejam os aparelhos eletrônicos em casa, não deixarei nunca de adorar a poltrona do cinema.

Recomendo o filme de Angelina Jolie, mas como sempre deixo a dica, nunca esperem nada de um filme. Assistam sem saber o que há de especial, por que sempre que se criam expectativas para uma produção, ela acaba decepcionando. O bom é ir, pelo passeio, e ser brindado com um mega filme de ação.

Boa segunda a todos...abração.

10 comentários:

Marcos disse...

Concordo com você o filme é fantástico e a Angelina Jolie é demais.

A trama é muito bem amarrada, incrível!

Claro que eu adoro a pipoca e a coca, mas se tiver um bombom, uma trufa é sempre mais gostoso...

Abçs

Cadu disse...

fáel (olha a intimidade da pessoa) você já é a segunda pessoa que fala bem do filme, esse filme deve ser otimo mesmo, e como sou apaixonado por filmes, vou seguir a dica, vou dar uma passada no cinema nos fim de semana pra conferir se o filme é bom mesmo.
andou sumido hein hehe
abrços

cadu

Karina disse...

Com todo o respeito, ainda bem que gosto não se discute. Não assisti Garota Interrompida, mas ainda não descobri nenhum filme da Angelina Jolie que me encantasse. Prefiro o pai dela. Bjs, Karina.

D. Martins disse...

Taí Rafa, acabou de me instigar pra ver mais um filme no cinema.

Vc sabe que eu sou igual criança, que buscar no começo do ano ver os lançamentos que viram no decorrer do ano, pra reservar idas ao cinema. Aguardo ansioso pelos filmes que tenho vontade de assistir, seja pelo visual, fotografia ou trama. Sabe que muito se comentou desse filme por aqui, e acabei ficando com vontade, depois ver seu comentário sobre.

Ah! E nada, nada, nada substitui um bom escurinho do cinema, com o som envolvente e aquela imensa mágica!

Abraçooos meu querido!

Andrea Pagano disse...

Rafa bom dia!
Acho que a Angelina é sem dúvida uma das mais bonitas atrizes que existem, acho ela maravilhosa de corpo inteiro de rosto... Ela é demais mesmo!

Quanto à filmes de ação eu não curto muito, gosto na verdade de suspense e drama. Os demais acabo assistindo por conta do Carlos, qua ama ações e filmes de super- herói..rsrsr

Vc sempre é muito bom para criticas de filmes...Eu falo isso para todos, porque tem uma opnião bem imparcial,sem contar o filme, deixando a gente com vontade de ver e não criando falsas expectativas.

*Bom te ver lá, estou melhor sim...Vc leu como me tornei uma blogueira que falo que é por sua causa???

Bjs e obrigada

**Ah, se não leu pós cometário do penultimo post, agradeço os elogios às meninas, vc não se cansa de elogiar e eu não me canso de escutar, pode elogiar que mãe ama...

Ótima semana par tí!

Serginho Tavares disse...

eu pretendo ver esse filme!

hey! passa lá no meu blog e tenta descobrir sobre mim num joguinho que eu fiz como você me acompanha há seculóides deve matar!

abração

Antonio de Castro disse...

Sou viciado em cinema.

Viciado.

mas esse Salt foi meio sem sal.
ok, piadinha infame.

Edilson disse...

A Jolie salga qq coisa. Ela é o poder. Linda semana querido. Abraços e apareça no Lua ooo sumidooo...rs.

Autor disse...

Acredita que ainda não assisti? Mas vou corrigir isso essa semana, mesmo porque, tem a estreia de A Origem vindo, né, e só vai se falar nesse filme.
Saudade, amigo!
Um abraço do seu melhor amigo virtual de infância.

Marcos Eduardo disse...

Rafa, eu jah estou louco pra ver esse filme e em todos os blogs que sigo onde os donos jah viram Salt e o pessoal faz elogios rasgados a esse filme, eu nao vejo a hora de chegar o findy pra assisti-lo.

Passe pelo Olhar. Sinto falta dos seus comentarios. Beijao.