MEU MUNDO BLOG

Passo diariamente em dezenas de blogs. Muitas vezes não comento, por que simplesmente não consigo. Pessoas entram na minha sala e me distraem e perco o fio da meada de um comentário, aí acabo fechando o blog e não voltando mais. Gosto de concluir um pensamento e deixar uma mensagem após ler e compreender o que está escrito. Aquela coisa de “que legal” apenas, não funciona comigo.

Na verdade o texto de hoje é para dizer o quanto acho fascinante o mundo dos blogs. Já escrevi algo similar uma vez, há muito tempo, e gostaria de reiterar meu pensamento.

Percebo na personalidade de muita gente que sigo traços tão distintos de caráter, de humildade, de inteligência. Está ali, aflorando em palavras o jeito de ser de cada um. Como adoro as complexidades do ser humano, essa visão é perfeita.

Algumas semanas atrás li um post do Arsênico( garaleoa4. ) questionando o fato dele escrever com gírias do mundo gay. Alguém deve ter reclamado nos comentários do seu blog e ele fez uma enquete sobre o assunto querendo saber se as pessoas que o liam se importavam com a escrita. De forma alguma me incomoda o fato dele escrever as gírias, simplesmente se me incomodasse eu não iria lá, não o leria. É assim que tem que ser, se incomoda, vaza, não perca tempo agredindo alguem que não lhe fez nada. O mesmo acontece com o Blog da Cleycianne (.cleycianne.), que já ouvi barbaridades a respeito. É uma paródia saudável ao fanatismo religioso, isso não me atinge. E acredito que não o faça com muita gente que está bem resolvido virtualmente....rs.

Peço sempre desculpas as pessoas que possuem blogs de poesia. Realmente não é minha praia, mas não deixo de passar e agradecer quando algum autor desses blogs me visita. Apenas não sei o que comentar ao ler um poema. Muito difícil.

Há os blgs em que o dono escreve posts absurdamente longos, que xingo ao iniciar a leitura, e quando chego ao final me surpreendo com um conteúdo dinâmico e inteligente. Mas o problema é que como o tempo é curto, às vezes sou obrigado a passar reto. Se não é pra ler tudo, então não leio.

Há a variação nova de blog, como a do Partituras (minhavozmeucaminho), onde Saulo narra os textos. Acho interessante essa forma de manifestação dentro do mundo virtual. Por enquanto é o único que conheço.

Mas ter um blog é difícil, todos sabemos disso. Eu procuro fazer um post por dia, mesmo que seja apenas uma bobagem, como na sexta passada, uma opinião sobre celebridades ou algo parecido. Não faço isso para atrair atenção, apenas dividir um pensamento como fazemos com os amigos. O mesmo que parar numa rodinha e comentar o assunto do dia. Tenho trilhões de pensamentos por hora, e se não canalizo para algo, fico deprimido no fim do dia. Não que seja uma pessoa com tendências depressivas, mas parece que fica a sensação de que não interagi com o mundo. O blog me dá esse prazer da convivência, quando leio as mensagens deixadas, os comentários sobre os meus textos, fico satisfeito que em algum lugar desse mundo alguém trocou idéia comigo.

O mundo virtual cria essa amizade fácil, com pessoas que não faço a mínima idéia de quem são. Sempre peço que me digam como se chamam, por que ao comentar nos blogs, gosto de tratar os autores pelo nome, para que haja essa cumplicidade de amigos. Os que não sei o nome, invento, como no caso do Tres Egos (tresegos.) apelidei de Daniel.

Pessoas passam por tantas experiências na vida, casamentos, separações, mortes, desempregos, desilusões amorosas, e tantas outras fatalidades que afligem a alma, e ao retratá-las num blog, ao contar segredos íntimos, acabamos por ter essas pessoas próximas, como se estivessem do outro lado da parede, fácil de tocar. A confissão no blog do Lobo(uivosdoalem), a nova experiência da Karina(karinapintaeborda), que está montando seu novo lar, as dificuldades que alguns blogueiros já comentaram comigo, em janelas de MSN, tudo isso me faz pensar que ter um blog é tão bom, tão prazeroso e concluir que : Quem tem um blog não está sozinho.

Criei esse selo que está abaixo. Quem quiser levá-lo para o blog, o faça, assim saberemos que as pessoas nos lêem, nos fazem companhia, mesmo distante.
Boa terça-feira a todos....abraços.

24 comentários:

Carla Farinazzi disse...

Rafael,

Excelente o que você disse.
Penso que, em algum momento, algumas pessoas podem não gostar do que postamos. Tudo bem discordar, daí se geram os debates e tudo o mais. Mas reclamar de gírias e da forma como escrevemos? Ora, como diz você: vaza, sai fora!
Tá fazendo o que aqui?
Gosto dos comentários no meu blog pra saber dos ecos que têm o meu pensamento. Se encontram guarida ou não...
Dá vontade de ficar o dia inteiro fuçando nos blogs, lendo coisas lindas que são publicadas, pensamentos diferentes ou iguais aos nossos...
De tão bom que é!
Você tem razão: "Quem tem blog não tá sozinho"

Beijos

Carla

P.S.: vou levar o selo, porque amei a ideia!

Tathiana disse...

Amei o selinho... Vou levar comigo...
BJs.

Dama de Cinzas disse...

Concordo com muito do que você disse! No entanto fica um toque para você. Quando sentir vontade de comentar um blog, comente, isso faz tão bem para quem escreve. Eu certamente só não deixo comentários em um blog, se aquele post não me inspirou um comentário. Porque se alguma idéia me passou pela mente, eu marco o post para voltar depois, reler e comentar.

Sobre blogs com gírias gays, não me importo, desde que não haja um excesso, mas jamais deixar um comentário dizendo isso. Cada um escreve o que quiser no seu blog e cabe a mim gostar ou não e respeitar... Respeito acima de tudo...

Um dia desses devolvid a visita num blog que a menina escrevia tudo em "internetês" que coisa absurdamente irritante pra mim. Simplesmente fechei a janela e passei pro próximo. Que necessidade há em se manifestar contra?


Beijocas

Antonio de Castro disse...

q bonita homenagem ao universo dos Blogs.

acho super pertinente e admiro muito as relações que nascem daqui.

são coisas de verdade.

KARINA PINTA E BORDA disse...

Rafael,

Concordo plenamente com suas palavras, e me senti feliz ao perceber, mais uma vez, que você se importa. Isso realmente é muito bom e assim, de fato, não me sinto sozinha. Por isso mesmo é que já coloquei o selo que criaste lá no blog. Um beijo, Karina.

Atitude: substantivo feminino. disse...

Eu tbm aprendi a gostar da blogosfera e hoje acho que tenho amigos e não tô sozinha, como vc disse.
Também concordo que a leitura dos blogs tem que dar prazer, se não for isso..para que serve então?

Bjs

Dois Ursos disse...

Ola Jamal.
Aportamos aqui por causa do Edú Pampublikong que sempre nos indica blogs e pessoas muito interessantes.
Somos novos na "função" de blogueiros. Nem somos blogueiros. Apenas relatamos alguns causos, sem muito estilo de linguagem e sem nenhum Glamour. Realmente é muito legal a interação.
Seguindo. Abraços.
Vida de Dois Ursos

Paulo Braccini disse...

mais q fofo o texto como o selo ... amei ...

thanks

o universo blogueiro é uma delícia mesmo

;-)

Lobo disse...

Rafa!

Agradecer pelo carinho e pela preocupação lá no post do meu aniversário, e também a essa citação super honrosa aqui no seu blog hahaha! Mas blogar é isso mesmo. Um grande universo de troca, onde cada um tem uma infinidade de coisas pra acrescentar. E claro, dividir, porque se fosse pra não divulgar, escrevia no bloco de notas (acho que roubei essa frase de alguém ahauahauahu)

Abração!

Arsênico disse...

Apesar de não escrever diariamente... também amo esse mundo de amizades virtuais que criamos... e que parecem mesmo tão reais... tão palpáveis!

Realmente não me sinto sozinho!

Quando pessoas lêm nosso blog... deixa um comentário... e lemos o blog dela... e comentamos... criamos uma conversa amigável... as vezes até mesmo críticas... que por sermos amigos há algum tempo... permitimos!

Já pensei muitas vezes em excluir meu blog... mas daí eu penso nos muitos amigos verdadeiros que deixaria para trás... e toda a minha história dentro de dois anos... e todas as palavras de carinho que me foram escritas!

Enfim... viver parcialmente na blogsfera... É MÁGICO!!!

***

aBraço!

;-D

Paulo Braccini disse...

kkkkkkkkkkkkkkk

sabia q eu tb não vinha aqui pelo mesmo motivo ... pirracinha de beeeeeee ... kkkkkkkkkk

mas tudo bem ... tudo superado entre as meninas ...

bjux

;-)

Palavras Vagabundas disse...

Jamal, como você sabe passo pr aqui algumas vezes e deixo um comentário, gosto muito da sua escrita, mas hoje você se superou, simplesmente amei esse post. Parabéns
abs
Jussara

Mundo do Gê disse...

Rafael,

Cara já comentei isso mas vale á pena reforçar, sempre passo por aqui e abro o seu Baú, sempre leio, me divirto, me ponho a refletir, enfim depende do assunto do seu post, acho bacana sua forma de escrever, de expor o seu sentir...Ahhh! foipassando por aqui que cheguei ao Três Egos, bacana a forma como o "Daniel" escreve e relata seus acontecidos...

Bom Rafael, grato por me permitir abrir o seu Baú, por ver as coisas através de sua visão...É sempre bom vermos as coisas com os olhos de outros.
Levarei seu selo para o Mundo do Gê, grato por você compartilhar ele conosco.

Grande Abraço!

Dama de Cinzas disse...

Tentei de procurar no msn quando cheguei, mas vc tava off. Tentei mandar mensagem off e todas voltaram... rs

Quando te pegar on a gente bate um papo!

Beijocas

Mauri Boffil disse...

Isso é verdade... Tem gostos diferentes.
Eu por exemplo, nem leio blogs que começam com "hoje o meu time..." "Então o presidente fdp fez..." entre outros... Mas, enfim.

Salum H. disse...

É, você conseguiu deixar bem claro a quem não tem um Blog como é ter, acho que acabamos sendo Blog. Quando se referiu às pessoas que criticam o jeito como os autores do Blog escrevem ou outras coisas, está certíssimo, não vá lá e não leia, leia apenas o que te interesse e o que te agrade, eu pelo menos faço isso, e náo me sinto obrigado a comentar em tudo que leio. sei sim que quem escreve tem uma certa necessidade de saber o que pensaram, afinal nem sempre pensam a mesma coisa que estávamos pensando ao escrever, mas assim como não me sinto obrigado a fazer o comentário não posso tbém estar cobrando dos meus leitores. Independente do assunto, sigo e leio só quem quero,independente do assunto, pessoas que mesmo virtualmente criei alguma empatia e afinidade, e isso me faz muito bem

tesco disse...

Nada mais posso fazer que me somar aos leitores que concordam com a totalidade das palavras do seu post. Como eu dizia já há tempos atrás: "Blog é prazer, se encaramos como obrigação o prazer se vai", pensava apenas no lado escritor do blog, porém, sem dúvida, pelo lado leitor é a mesma coisa.
Parabéns, Rafael, pelo texto claro e transparente. o Edu (Pampublikong) deu uma ótima indicação. E obrigado pelo selo.
_Abraço.

Três Egos disse...

Ah Rafael, acabei de ler um post teu cobre culpa excelente e agora vc me vem com este outro também muito bom.

Realmente, um blog é muito difícil de ser mantido. Todos temos uma vida lá fora, que muitas vezes não dá tempo nem de pensar direito na vida. Mas um blog também é viciante, acabei por gostar muito de escrever no meu blog, embora não tenha nada de muito especial, ainda não sei como as pessoas entram nele! rs.

O que realmente me surpreende é que estou com um tempo extremamente curto que nunca tive depois de começar meu blog, de tal forma que não me sobra tempo para visitar blogs amigos direto, e, mesmo assim, recebo comentários e carinho de muitas pessoas.

Na verdade acho que são vocês que viciam... rsrs

Abraço!

Três Egos disse...

Esqueci! sim! Eu pegarei seu selo! rsrs...

Daniel! rs

Cantinho She disse...

Oie! Pôxa, quanto tempo não venho aqui... Tsc, tsc! Tá de visual novo, ai meu Deus será que faz muito tempo, se fizer, perdão! rs Andei espaçando as visitas, mas sempre que puder voltarei, é que a vida real está precisando de atenção, mas eu simplesmente amei esse seu post e concordo totalmente, principalmente que esse Cantinho tem que nos trazer acima de qq coisa PRAZER!
É isso aí!
Beijo, beijo!
She

DÉYA... disse...

olá Rafael. 1°vez que estou vindo por aqui...
nossa li muito vários e vários post's e faço minhas as palavras da Carla,
"Excelente o que você disse".
no caso aqui desse post aqui..,
a pessoa tá navegando ..
ninguém tá segurando tua mão
tá fazendo o que ali se não gostou? será que não conhece aquele "x" vermelhinho no canto do monitor, não gostou clica lá.
eu só fico e só vou onde gosto de ler de ver interagir.,
esse mundo blog tem me feito um bem danado.. deixei de ser tão sozinha
e como seu selo diz
"quem tem blog não esta sozinho"
um abraço e até depois porque eu volto...

Lua Nova disse...

Rafael, sensacional seu post e eu concordo com tudo, absolutamente tudo. Vou levar o selo e postá-lo hoje mesmo. Meu objetivo quando fiz o blog era um tanto obscuro. Foi mais uma atitude do que uma decisão, e não tinha a menor idéia do que aconteceria. Aconteceu que me senti incluída num mundo novo e empolgante.
Tenho lido muita gente falando o quanto vc é um sujeito legal, inteligente e o quanto são bons os seus posts. Concordo com eles também.
Tava com saudades de vc.
Beijokas e um fds maravilhoso pra ti.

Saulo Taveira disse...

Rapaz, sabe que eu tava viajando nesse dia, inclusive, niver da minha mamuska... e não li. Adorei, concordo com você... gosto dessas personalidades diferentes, esses traços que nos atraem e, em alguns casos, repelem. hehe
Vou levar o selo, claro. E obrigado por me citar. Bom os amigos se divulgando. hehe

Abraços e ótima terça.

Bicho Maluka Beleza!!! disse...

olá,Rafael! preciso dizer que adorei o seu blog?!! andei beliscando uns selinhos tb! caso nao queira, é só falar (postar) ok! bjuss <3