Volta a rotina

Quando Criança, na escola, assim que voltávamos as aulas no inicio do ano, com aquele frison todo de uma nova turma, uma nova série, as professoras de português logo diziam: Vamos fazer uma redação sobre as férias...rs rs rs. Lá íamos nós contar o que havia acontecido de interessante no verão passado...rs
Bem, hoje adulto, é mais fácil de expressar os acontecimentos das férias, que na verdade são apenas recessos de fim de ano.
Tudo começa no dia 24 e o fatídico limpador de para brisa do carro que resolve morrer. Difícil é encontrar alguém que se prontifique a olhá-lo e consertá-lo na véspera de natal. Pronto ferrou tudo, viagem dia 26 e tudo mais. Alguém faz macumba, por que nos últimos 4 anos, seja lá o carro que eu tenha, acontece alguma coisa nas vésperas de viajar, que me impedem de ir, ou atrasa tudo. Preciso ficar esperto em 2010.
Ceia de natal em casa, família reunida, toneladas de pratos a serem feitos. Ninguém levou nada, ninguém contribuiu com nada...rs rs rs...Isso to acostumado, nem combino mais nada com ninguém. Beleza...horário programado: 8:00 hs, por que após minha ceia, festança na casa de amigos. Irmão chega com a família as 9:30, enquanto todos já estavam desde as 7:45. Um dia cozinhando, e os ânimos natalinos pra lá de Bagdá.
Sobrinho entra como o demônio da Tasmânia, (literalmente, parecendo um furacão). Abraços, cumprimentos, e ceia servida. Tava puto, não queria nem confraternizar. Comentário jocosos do irmão ( como sempre) sobre a belíssima ceia servida, modéstia a parte, muito bem elaborada. Troca de presentes, crianças eufóricas, embrulho pra ca, embrulho pra lá, e recebo do mesmo a minha”lembrancinha”. Uma vela de 5 centímetros aromatizada, em formato de vasinho. Hã hã hã...(som de pigarro sendo tirado da garganta)...é.....é....deixa pra lá.
Festa no amigo pós ceia, fenomenal. Dia 28, segunda feria corre corre pra consertar o limpador, do qual a noticia é: impossível manutenção, a peça tem que vir de fabrica ( um chip, que nem é do porra do Pedro) codificado com o numero do chassis, caralhérrimo. Ferrou! Promessa de conserto no dia 29 até as 12:00 hs. Mentira, nada ficou pronto e viajei sem limpador mesmo. Mas há para quem se interessar em saber, um produto impermeabilizante para o vidro que funciona que é uma beleza. Nem fizeram falta os limpadores.
Praia com chuva, viagem a cidade vizinha frustrante, muita comida, muita dormida e dias de descanso, merecidos.
Ao retornar, transito absurdo de caminhões em São Paulo. Ânimos indo pro brejo. Ao chegar em Campinas e descarregar o carro, um formigueiro inteirinho se instalou dentro do carro, no banco de trás. Ao tirar as malas, centenas de ovas sendo carregadas de um lado a outro. Muito veneno, aspirador de pó e carro pra lavar. De brinde, um besouro gigante. Para quem não sabia onde estive, pensou: Putz, esse deixou o carro no meio da floresta.
E assim professora, foram as minhas férias.
Feliz ano Novo.

5 comentários:

Renato Orlandi disse...

HAUShuhuaha... essa redação ai foi a pior, eu também sempre tinha que fazer reuniões sobre as minhas férias, mas geralmente inventava muitas coisas rsrsrs... Mas vc esteve com muita sorte em sua viagem heim, ano que vem irei a sua casa provar sua ceia rsrs. Caralhérrimo? ahsuhuashuahu...

André Mans disse...

natal em família é tudo igual mesmo, mas eu não lembro de fazer essa redação e sim falar sobre... queremos mais férias, isso sim...

beijão!

M. disse...

Natal é assim mesmo... o que a gente não faz pelo social né?

Quanto aos presentes, esse fim de ano me dei varios presentes pq já sabia que nao ia ganhar nenhum. Nada como se antecipar...

Mas teve um lado bom: a ceia nao foi na casa da minha mãe e não precisei ajudar a limpar a sujeira hehe

Abraço e bom 2010.

Anônimo disse...

Mera semelhança dos fatos e acasos de natal. Realmente família só nuda o endereço!!!

Abração!

Lobo

Marcos disse...

Olha... tem que pular 70 ondinhas, dos 10 anos que ficou para trás.... Em 2010, natal já sabe onde né... Adorei a ideia ai em cima, vou me dar presentes de natal... eu mesmo vou colocar alguns para mim embaixo da arvore... hauahuahu... lipar pós ceia ninguem merece, porisso que ceia 3000 reais, presentes para os familiares 3000 reais... ter a "Tiana" para cuidar da cozinha, ceia e da casa.... NÃO TEM PREÇO!