TER OU NÃO TER BARBA?

Por que falam tanto de barba na mídia hoje em dia. Centenas de pesquisas dizendo se mulheres gostam ou não de barba nos homens. Pra que perder tempo com isso?

Mulheres reclamam de suas regras (polidamente falando de menstruarão) sem observar que o homem é obrigado a fazer diariamente sua barba por motivos estéticos, profissionais ( existem empresas que não permitem homens de barba) e sofrer com pelos encravados, espinhas e pele extremamente sensível. Que glamour há na barba?

Uso a minha aparada há mais de 10 anos. Quando limpo o rosto, fico com a impressão de que estou nú. Não a deixo por fazer por que acho sexy, por que dizem que é moda, mas simplesmente pela preguiça, pela vagabundagem de ter que toda manhã faze-la antes de sair pro trabalho. Minha pele é das que ficam machucadas pela constante gilete passada nela.

Aí olho os guris novinhos, com meia dúzia de pelos na cara, mas firmes e fortes no proposito de “ter barba”. Isso ainda é status de amadurecimento, como os bigodes de antigamente. O cara casava, e logo deixava um bigodão, pra mostrar que era um homem serio. Acho nojento bigode.


Aí vieram as centenas de variações de barba. Aquelas desenhadas que deixam qualquer ser humano com cara de pagodeiro, aquele cavanhaque que o fulano vira bichona no mesmo instante que sai na rua, ou aquelas costeletas que na verdade são parte da barba que lembram D. Pedro I e é cafona demais.

Se pudesse tirava tudo com laser. Ficava com a cara limpa. Sou preguiçoso mesmo, não gosto de rotina, e fazer a barba sempre foi algo que me incomodou muito. Nunca me lembro de passar um pós-barba. A minha pele fica irritada com frequência, e não me apego a esse tipo de cuidado. Além do mais o pelo é grosso, e mesmo deixando ela por fazer, os fios perto do canto da boca machucam o lábio. Putz, o que faz as pessoas acharem que barba é algo bom?

Na evolução da espécie, isso já devia ter acabado, mas mesmo assim vejo que alguns homens descendem mais do macaco do que eu. Aquela barba densa, que desce pelo pescoço e une com chumaços de pelos que saem pela camiseta. Isso é uma involução, esse cara é macaco ainda.

Mas tenho que confessar: já que é obrigatório ter barba, por que a genética me fez assim prefiro ela cheia, da forma que veio pra mim. Aquelas barbas com buracos, que não preenchem o rosto só me faz ter dó da pessoa. Por que todo mundo que não tem barba cisma de deixa-la, então aqueles pelos jogados em diversos cantos do rosto ficam tão feio quanto a barba do Pereirinha ( José Mayer – Fina Estampa).

Não percam tempo com pesquisas sobre barba, pessoas da mídia. Mulheres não gostam, por que machuca o rosto delas ao toque, isso é fato. Se quiserem falar de barba, pesquisem com os homens, por que só eles podem falar sobre barba.

Abraço e boa quinta feira.

11 comentários:

Mr. TV disse...

Cara, eu amo ficar com barba, uma porque é muito prático, não suporto fazer barba, outra porque me sinto muito mais bonito.

Abraço.

::::FER:::: disse...

Odeio barba, no dia de fazer eu choro de verdade, não faço todo dia, faço tres vezes por semana, eu gostaria de gostar de barba e de usar algum dia nem que fosse bem cerradinha, mas até arrepio só de pensar nisso. Mas para alguns homens combina.

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

eu não gosto muito de barba não, mas odeio ter q fazê-la ... por isto sempre usei a minha naturalmente só a parando com máquina ... assim foi dos meus 23 aos 42 anos ... aí tirei e só agora com 61 é q voltei com ela ... por qto tempo não sei ... enquanto a falta de saco para fazê-la persistir ela ficará aqui na minha cara ... pronto falei!

Dama de Cinzas disse...

Eu amo homem de barba, acho bonita a barba cerrada e aparada assim tipo a sua. Acho sexy, é macia quando se beija o cara. Absolutamente nada contra. O que não gosto e mulher nenhuma gosta é barba ao estilo ralador de queijo. Que é a tal barba de um dia por fazer. Essa realmente machuca demais, é ruim. Então se o cara tem barba rala, melhor manter sempre feita. E os de barba cheia, melhor manter bem curtinha.

Beijocas

Mulher Vã disse...

Pior que homem barbudo é mulher com barba, atração de circo!

Beijo

Prisioneiro 0001 disse...

Eu adoro barba nos outros.
Acho q fica bacana aquela barba por fazer, mas no meu caso sempre fica horrível.

Vc podia fazer um post com dicas de barbear. Rs.

Luck® disse...

Eu tenho a péssima combinação de pele fina e pelo grosso. Tive bastante pelos no rosto, além disso! O laser, numa época em que o preço era quase proibitivo, ajudou e embora uns 30% tenha voltado depois de meia década e estabilizado nisso, foi um alívio me livrar dos cortes, coceiras, encravações...

Eu tinha uma barba "cerrada" e depois do laser, ficou falhada. Nem ligo. Começa a crescer eu corto. Também sou preguiçoso e preferiria não ter ficado com nada, exceto cílios e sobrancelha.

Agora uma coisa tem, hein? As pessoas AINDA tomam a TV como mediadora dos assuntos que devem ou não devem ser discutidos? Parei!

Pré-histórico é isso!

Se o ator tal raspou, trançou, botou fogo, e daí? Moda (que provém da ideia de moda - matemática) é o que revela maior incidência, se me lembro... Ou seja, no seu sentido mais ultrapassado possível (haja vista, graças ao god não ser nada mais assim) é aquela "produção em série".

Hoje é babaca seguir, nesses sentidos, um padrão/ modelo.

Prisioneiro 0001 disse...

E lembrei de algo: vc é um exemplo de homem com barba bonita.
Rs.

Tathiana disse...

Verdade, eu não gosto.
Homens são mesmo melhores pra falar a respeito...
Bjs.

railer disse...

gosto da minha barba e tou sempre mudando.

Bruno Kopte disse...

Isso foi um sarro, tu usar como exemplo de "involução" o Isaac Asimov...escreveu mais de 400 livros, doutor em química, inventou palavras, e promoveu a ciência como poucos, mas o que contou foram as costeletas. Poxa, eu queria ser um macaco que nem ele.