Que dia é hoje?

...A partir desse ano, uma ONG quer instituir ( como nos EUA) a data de 11 de outubro como o dia de sair do armário. O objetivo do grupo é fazer com que a comunidade homossexual do Brasil possa viver a sua sexualidade longe da "mentira" e da "omissão". Almejam também mobilizar os LGBT para que se construa uma nova realidade, onde as pessoas gays possam viver tranquilamente sendo o que são...

Meu, não acredito que fixar uma data pra isso seja solução ou ajude alguma coisa, porém, hoje em dia tudo tem uma data comemotiva. Já não bastava o dia da perdura, da mentira, do amante, dos namorados, da sogra, da avó, mãe, pai, criança, cachorro, papagaio...putz, é data que não acaba mais.
Agora também teremos data comemorativa para:
- dia de acender e apagar a luz duas vezes,
- dia internacional de lamber tampa de iogurte,
- dia internacional de pular amarelinha,
- dia internacional do bob esponja,
- dia internacional do saquinho de chá
- dia internacional de colocar minancura em frieira,
- dia internacional de lavar a mão três vezes
- dia internacional de cochichar no ouvido,
- dia internacional de catar cocô de cachorro, tirar piolho de pomba, pentear macaco, empinar marimbondo, escovar dente de girafa....e por aí vai.
Não se cria uma sociedade livre de preconceitos enquanto não houver leis severas que punam os discriminadores. Pra que fazer a molecada sair do armário? Isso me soa como tentativa política de agregar grupos.
A luta pela discriminação não se cura com dias específicos, e sim com uma educação de base, dentro dos lares, na escola. Ter um dia para o filho contar para a família que é gay, é tão vexatório e sem sentido como se criassem o “ dia de apertar a mão de um negro”, “ o dia de chamar um judeu de amigo”, o dia “ de devolver miçangas aos índio”. Sinceramente, as ONGs deveriam preocupar-se com a exposição desnecessária de crianças na internet, ou mesmo correr atrás de apoio para a lei da castração química para pedófilos, isso sim seria uma causa justa.
Quanta ladainha perdida que não leva a nada.
Abraço a todos. Boa terça.

7 comentários:

Renato Fierce disse...

Que absurdo, vc esqueceu do dia internacional do alfabeto GLBTSSSSTUVXWYZ! É por essas e outras que a ONG que eu sou voluntário, de crianças com cancer sofre tanto com a falta de voluntarios, estao todos preocupados com o Bob esponja tirando frieira do viadinho no armário... Ah, eu sóh consegui lembrar de: "toco cru pegando fogo" que eu vi em "os normais" rs. Abç.

Susyanne Alves disse...

Olha..
Nesse Brasil é cheio de data mesmo.
Pra mim data é só mais um dia em alguns casos.
Nesse específico serviria para me lembrar que ainda tem gente que precisa esconder sua orientação sexual pra viver em paz.

beijíssimo

Serginho Tavares disse...

não me admiraria que um desses dias ai de fato existisse

André Mans disse...

Eu já acho a iniciativa válida. Milk gostaria disso.

Ruy disse...

O que eu li é que a ideia é usar a data para discutir a questão, promover debates e manifestações simbolicas. Nada a ver com uma saída do armário coletiva, até pq poderia provocar alterar o equilibrio do universo hahaha. Abraço

ManDrag disse...

Pois, tem dias para tudo. Enfim, muitos deles são puro oportunismo comercial.

Mas outros há que podem fazer a diferença, chamando a atenção para problemas concretos da sociedade. Só que no folclore geral... acabam por passar despercebidos e inúteis.

Concordo que para motivar os indecisos a saírem do armário é necessário que a sociedade esteja educada e seja tolerante. Mas também é verdade que com o exemplo dos que com coragem e dignidade se afirmam essa mesma sociedade vai evoluindo positivamente.

Vim corresponder à tua visita nos meus blogs e tornei-me seguidor. Te espero lá pelos meus recantos. Agora até tenho mais um: http://mandrag.tumblr.com/ passa por lá e desfruta.

ManDrag

HSLO disse...

Gostei do seu blog...viu..é a primeira vez que passo por aqui. Voltarei outras vezes. Já sou um seguidor daqui.

Vou te linkar ao meu blog.


abraços


Hugo