O caminho chato das Indias

O post de hoje é para citar 10 itens de porque eu detesto a novela “Caminho das Índias”.
1 – Se a cultura indiana for tão hipócrita quanto está sendo mostrada, eu não quero conhecer a Índia nunca.
2 – As indianas são ladras, dissimuladas, interesseiras: O personagem de Eliane Giardini massacra a nora, rouba dinheiro do marido e só pensa em bens materiais. Finge que passa mal, para obter o que quer. Outras personagens femininas não ficam atrás.
3 – A Vera Fisher ta um robô de cor laranja. A boca mexe, a voz sai, mas parece uma gravação. Depois que terminar a novela ela pode entregar cartão em entrada de shopping. Substituir aquelas maquininhas que tem anão dentro, que garanto que vai encher de gente no shopping.
4 – Marcio Garcia inexpressivo. Tá marrom, estranho, chora e não sai lagrima. A qualquer momento espero ele pegar uma ficha e chamar o próximo convidado. Síndrome de apresentador de auditório. Mudou de emissora, mas não perdeu a postura.
5 – Não gosto do tom que eles falam das castas. Tudo bem que a Índia tem isso na sua tradição, mas poderiam maneirar um pouco no texto. Dos poucos capítulos que assisti, me incomodou ouvir que fulano é menos que a poeira debaixo do sapato. Num país com tanta desigualdade como o Brasil, ouvir isso é complicado.
6 – Engraçado que tocam o pé de uma pessoa mais velha em sinal de respeito, tem tanto apresso por uma vaca, e o cara oferece a uma mulher ser sua concubina depois que ele casar-se com outra. Exatamente o que no nordeste aqui chamam de “Teúda e manteúda”. Cadê a honra, o respeito o caráter que tanto pregam?
7 – Dá-se tanto valor a casta, ta bem. Vende-se uma filha em troca de um dote, ta bem. Se presa a virgindade, por que afinal é moeda de troca, ta bem. Aí o personagem de Juliana Paes vai lá e dá pro outro.
8 – Me acostumei com o ritmo da Favorita, e a enrolação tipica de Gloria Perez me stressa. Além de pra cada frase em indiano o ator traduz em seguida. Ou coloca legenda, ou não coloca frase em outro idioma.
9 – Não agüento o Humberto Martins gritando o tempo todo. Não agüento Tony Ramos gritando o tempo todo. Não agüento o Lima Duarte falando como Dom Evaristo Arns. Não suporto Marjorie Estiano fazendo o tipo Bete a feia. Não dá pra encarar Letícia Sabatella e suas bochechas rosadas. A dentadura enorme do Stenio Garcia que foi promovido de “a fuga das Galinhas” para “Wallace e Gromic”. O moleque ( Duda Nagle) espancando todo mundo, e o pai Antonio Calloni ( ex-obeso, agora metido a fortão) humilhando todo mundo em volta.
10 – Gloria Perez quer que a novela pareça com o filme “Jodha Akibar” ( que recomendo assistirem), só que ta deixando muito tupiniquim. Até a música do filme pegaram.
E para não dizer que eu só falei mal da novela, segunda-feira coloco um post com 10 itens que eu acho legal na novela. Ok.


abração...bom fim de semana.

6 comentários:

Serginho Tavares disse...

eu nem assisto porque vindo de glória perez nem tem o que dizer

Marcos disse...

Eu faça suas as minhas palavras... e só acrescento...

Precisa de todo mundo dar a balançadinha na cabeça?

Nunca vi um povo tão preocupado com o que os visinhos vão falar... porque não cuidam das suas proprias vidas?

Olha tantas outras coisas que poderia acrescentar... adorei o post..

abçs

Marcos

Mike disse...

Caminho das Índias é INSUPOR!

Gustavo disse...

Genten... Gloria Perez is so last season.

Ô autora para enrolar, fazer personagens chatos e sem graça, nunca vi ...

Só vou assistir depois do meio, porque sei que irá rolar muita coisa, tipo sindrome de Gloria Perez, vc já sabe quando valerá a pena acompanhar a novela... do meio pro final.

Bjunda Rafa

Anônimo disse...

Eu decidi divulgar os pormenores da criação da novela para o bem da humanidade...leia o http://ligananovela.blogspot.com

gramática fácil disse...

Adorei seu blog.
Concordo com tudo e assim faltou:
As idas para a India num passe de mágica;A Duda parece a rena do nariz vermelho; O tarso que só fica em crise e o outro que tem a mesma doença dança e faz coisas. A Cissa grávida é de doer; O Raul pegando papel na rua é d+; A Norminha que coisa sem graça, o Chico Anisio fala como se fosse
italiano do Bexiga, Lima Duarte fala por parábolas, a Silvia parece que sofre da sindrome de Poliana e a Nanda tb.
Bem parabéns, Gloria Perez é isso. Que saudades do Dias Gomes, Braulio Pedroso e tantos outros.