OLHA A CABELEIRA DO ZEZÉ....

Falemos de carnaval hoje.

Ao deixar a cidade maravilhosa semana passada, percebi a intensa movimentação do comercio, hotéis e ambulantes para a chegada de milhares de turistas que desembocam no país para se deliciarem com a nossa festa pagã.

Eu sinceramente não curto mais carnaval. Os bailes de salão morreram, os blocos de rua ( se não forem os famosos) são constrangedores. Os desfiles de escolas de samba são luxuosos, mas ainda acredito que há cartas marcadas. E tem os sambas enredos com as mesmas melodias ( se é que pode se chamar de melodia) e as cansativas expressões: blá blá blá é divinal...ou blá blá blá é a luz que ilumina Saravá Orixás, proteção...todo ano há um samba dizendo isso, e os puxadores “ foi zumbi que salvou a essência divinal da luz de oxum” e mandam você soletrar: foi–zum-bi-que-sal-vou-a-es-sen-cia-di-vi-nal-de-o-xum....e por aí vai.



Há aquela coisa medonha dos bonecos de Olinda. Meu eu tenho medo daquilo. Aquele homem da meia-noite e a mulher do dia são apavorantes. Já tive pesadelos com aquilo. Já pensou você pulando na multidão, daqui a pouco aquele gigante te dando tapa na cabeça. To fora. Além do que esses carnavais de rua com muita gente, tipo trio elétrico, a gente acaba patinando no mijo.

Mas há quem goste, e eu respeito.



Para nós do Estado de São Paulo é quase impossível ir ao litoral no carnaval. As praias ficam abarrotadas, falta água, e sobram arroz, frango e farofa. É a maior concentração de pessoas desprovidas de beleza física, ou seja, feias do mundo.
Mas o carnaval é a forma que o povo encontra de extravasar a tensão ou tesão recolhidos. Muita gente “pega” no carnaval, coisa que no dia a dia não consegue. Só precisa se cuidar...não beber demais, para também não esquecer de se prevenir caso role um rala bucho.



Mas por outro lado o carnaval trás um período de descanso, são 4 dias que você pode ficar na sua cidade, vazia, ou fazer algo que há tempos não faz. No meu caso, dia 4 segunda-feira, é dia de completar mais um ano de vida...então to aqui, decidindo o que fazer. Quero comemorar, mas to com uma preguiça danada.

Aos foliões de plantão, boa sorte...aos que nada farão, bom divertimento.

Té mais.

2 comentários:

Gustavo disse...

Hummm!!! Carnaval...
Eu estarei me jogando em Ilha-Bela, com um bando d egente HT.

Mas até aih consigo me divertir(mesmo que seja colocar meu HB e finjir estar dumindo, mas na verdade estou é encarando uma bunda) rsrs
E assim Ilhabela tem gente Bunita vai e nem rola frango na praia rsrs

Mas carnaval é carnaval e eu acima do feriado tento curtir algo mais carnaval... mesmo que seja se jogar numa rave para dançar e fazer "carão" fazendo malabares.
Mas esses eram planos no começo e tudo acabou em Ilhabela.

Caraca aniversario chegando... Legal!!!
Aproveito-ooo bastante.

E a Bussola de ouro, o filme não tem o final do livro... pronto falei, mas ainda nem vi o filme, minha prima foi e não me chamou aih to sem vontade e CIA para ve-lo rsrs
PS: Amei o livro, e to já me planejando para comprar os proximos da trilogia.

Bjunda e anota ae meu msn: gugsrox@hotmail
Asim trocamos novidades por lá hehehe

Bjunda unda unda

PH disse...

eu acho que vou ter que trabalhar, coisa sem noção!

abração!