ME CHAMARÃO DE RACISTA POR QUE VOTEI EM "BRANCO". CERTEZA!


Não acredito ter exercido minha cidadania nesta ultima eleição, aliás, não acredito num país que obriga 80% de sua população a se despencar para “zonas” eleitorais sem dar a chance da recusa em compactuar com candidatos que não servem para ocupar os cargos pleiteados. Se você não vota, tem punição. Se você não tem candidato e vota em branco, é tido como um antipatriota.

Votei em branco...e daí?

Minha cidade foi considerada a 3º mais corrupta do mundo quando o antigo prefeito e sua esposa bandida foram pegos de calça curta roubando, extorquindo e vendendo favores ao estilo “mensalão “ de ser. O escândalo politico foi uma sucessão de dramalhões no modo circense com pessoas algemadas sendo colocados em camburões, helicópteros sobrevoando o centro da cidade e a imprensa vampiresca lambendo cada gota de sangue que escorria do pescoço voluptuoso dos corruptos.

Pouco tempo depois aparecem alguns caras de pau, candidatam-se ao cargo ocupado por um prefeito “tampão” como chamaram, ou poderiam ser mais claros e dizer que colocaram um O.B. na prefeitura para evitar que mais sangramento. Chamar um prefeito eleito por voto indireto ( algo que não via desde a década de 80) de tampão é no mínimo risível.

Enfim, fui obrigado a me deslocar por duas vezes para a zona eleitoral que voto para exercer essa tal cidadania que mencionei acima, que alguns enchem a boca para dizer que o fazem e eu daria tudo para que não fosse obrigado a fazê-lo. Tudo o que é imposição me incomoda. Mas fui lá e não me sentindo compelido a apoiar nenhum dos candidatos ao cargo, votei em branco, em ambos os turnos.

Aí vem alguém e me dizem: mas quando você vota em branco ajuda fulano de tal a ganhar. Pera aí. Então eu sou obrigado a votar em qualquer um apenas para evitar que sei lá quem ganhe? Eu não quero apoiar ninguém, e acho que tenho o direito de me abster de compactuar com pessoas a quem não acredito. Não é uma democracia, Cacilda? Então por que além de ser obrigado a votar eu ainda tenho a obrigação de eleger pessoas sem credibilidade?

Nunca desde os meus dezesseis anos, quando votei pela primeira vez e isso já faz muito, muito tempo eu deixei de escolher alguém. Um dia votei no Tiririca por protesto, e não imaginei que outros tantos como eu fariam o mesmo e no final das contas elegeríamos um inapto a um cargo de deputado. Me arrependo disso, e por causa de votos assim, de protesto que decidi, vendo a podridão das eleições da minha cidade, que melhor do que votar em palhaço seria votar em branco. Sorte minha que o “branco” não era um candidato oportunista usando desse subterfúgio  por que agora estaria novamente arrependido.

Dizem que num país que nada funciona, uma eleição por urnas eletrônicas é no mínimo suspeita. Aí também já passa do limite e eu como um ingênuo eleitor quero acreditar que não haja corrupção na contagem de votos. Seria uma facada no pulmão descobrir um dia que fomos fraudados por todos esses anos. Não, na urna eletrônica eu confio. O saci Pererê e a Cuca me disseram que ela é confiável. Então eu acredito.

Espero sinceramente que o senhor eleito na minha cidade, ao qual já está dito, não votei, faça um governo que se não me orgulhar, pelo menos não me envergonhe. Campinas é uma cidade grande, com mais de um milhão de habitantes, com arrecadação de quatro bilhões, que é esburacada, com funcionários arcaicos dentro da prefeitura que impedem o progresso, e que não investe nada em cultura. Talvez sejamos o único município do país com um numero elevado de habitantes sem um teatro para ganharmos pão e circo. As premissas romanas, aqui não funcionam.

Boa semana a todos, e aos candidatos derrotados, hoje é dia de ver classificados no jornal...rs

abração

2 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Amigo! eu desiludi por completo com relação a tudo isto ... eu não voto em branco desde os seis meses q sucederam a posse do Sr. Lula na Presidência ... tenho um candidato permanente desde então ... enquanto eu não conseguir elegê-lo eu não desistirei da luta ... Sr. Nulo ... [sem qualquer constrangimento] ...

Mas vamos q vamos ... quem sabe um dia as coisas mudam n é?

Obrigado querido amigo ... seu carinho de todas a horas é algo q não tem preco ...

bjão ... te gosto muito ...

Margot disse...

Fael, gostei do seu post. Também votei em branco para vereador. E em outras eleições também já fiz isso. Vamos ficamos desiludidos. Fato#...
Abraços