parabéns ao mestre

Se eu amo o meu semelhante? Sim. Mas onde encontrar o meu semelhante?

Mario Quintana (30 de julho de 1906 / 5 maio de 1994)

2 comentários:

Tâmara disse...

Querido, se encontrar me avisa?
Promete?...

Tâmara disse...

O Mario Fodastico Quintana é muito bom!!!

Bjos!