Memórias

Acredito que numa segunda feira, início de semana, o Maximo que podemos fazer é postar algo divertido, que dê incentivo para a semana, e era isso que ia fazer até ler uma mensagem que chegou hoje cedo.

Soube que recentemente o Reino Unido removeu o Holocausto dos seus currículos escolares porque 'ofendia' a população muçulmana, que afirma que o Holocausto nunca aconteceu...

É importante agora, mais do que nunca, com o Irã, entre outros, sustentando que o 'Holocausto é um mito', torna-se imperativo fazer com que o mundo jamais esqueça o que aconteceu.

Num pais como o Brasil que a memória é tão longa como o pavio de uma bombinha, é necessário que se fale disso, que a história, por mais longe que esteja, por menos que tenhamos sofrido com isso, não pode ser ignorada, esquecida ou desmistificada.

Para um pais que leva quase 5 milhões de pessoas as ruas num evento grandioso e pacifico, como a parada de São Paulo, é necessário que esse fato da história como muitos outros, inclusive os políticos que assolam e envergonham a nossa nação, não sejam retirados e nem banalizados dos livros de história.

Uma nação sem memória comete os mesmo erros sucessivamente, um mundo sem memória, acaba por destruir as civilizações.

Somos um povo pacifico, de bem, que é capaz de reunir uma multidão para lutar por direitos civis, por um lugar ao sol, pela igualdade. Tenhamos conciencia da história, e não choremos o que passou, por que infelizmente já passou, mas não nos esqueçamos, só isso.

Boa segunda...boa semana.

abraço a todos.

3 comentários:

Jarbas disse...

eu sinto um mau estar tremendo quando vou falar da 2ª guerra mundial ... é algo que não consigo digerir ainda!

eu concordo com você, o mundo não pode esquecer o que houve. nunca!

Demian disse...

Concordo plenamente, querido, desumano é achar isso natural!!!

Só discordo do ponto em que diz que somos pacíficos... Tive dois amigos atacados na Av. Paulista na sexta quando voltavam de um buteco. E esse de longe foi o primeiro e de longe será o último dos casos, ignorado pela mídia e pela polícia... Pacíficos somos nós que ficamos em casa!!!

Alberto Pereira Jr. disse...

esquecer o Holocausto é uma coisa impossível. Saber que homens foram (e ainda são) capazes de atos tão cruéis é um legado eterno