ESPUMAS AO VENTO

Eu respeito Elza Soares por toda sua história de vida. Mesmo ela tendo destruido o casamento de Garrincha, eu respeito toda a sua dedicação a ele.
Uma voz inconfundivel, um timbre único, e uma presença de palco que poucas mulheres conseguem. Espumas ao Vento na sua voz é um deleite para os ouvidos.

Aos 70 e poucos anos, ser madrinha de bateria de uma escola de Samba é digno de tirar o chapéu. Parabéns a Elza Soares, pela força de querer viver, e ser sempre jovem.

Agora, esses dedinhos me causam medo. Vou ter pesadelos com essa mão me enforcando. Esses dedinhos de comer coxinha de festa, com essas unhas pintadas. Mão de anão...e de anão eu tenho pânico.


Nem o cabelo e a pinta da boca são tão amendrontadores como os dedinhos...

Abraço a todos e bom fim de semana...

2 comentários:

Renato Orlandi disse...

PUTZ, broxei por 10 anos agora!!!

Gosto dessa musica dela tb, e algumas outras, as menos samba, mas oooow, páaara neh..sacanagem!

Adorei as musicas do seu CD, de verdade, ficou repetindo e repetindo rs, mal posso esperar para o proximo!!!

Abçoo!

Serginho Tavares disse...

elza não destruiu o casamento dele
garrincha era um ser destrutivo
nao tinha jeito